Nossa Senhora Aparecida e os jovens

Os jovens de nossaDiocese, como acontece em todo o Brasil, estão envolvidos no projeto Rota 300: “300anos de bênçãos: com a Mãe Aparecida, Juventude em Missão!” No dia 21 defevereiro uma caravana de jovens trará, de Aparecida, a imagem peregrina, quevisitará todas as paróquias da Diocese: igrejas e todas as instituições quedesejarem recebê-la.A acolhemos com alegria e muita esperança de que esteprojeto trará um grande incentivo na evangelização, sobretudo dos jovens. Emcontinuidade com a caminhada de evangelização da juventude em nossas dioceses,o projeto é motivado pelo tricentenário do encontro da venerada imagem de NossaSenhora Aparecida, que celebraremos em 2017. O projeto se concluirá com umagrande peregrinação nacional ao Santuário de Aparecida, em julho de 2017.

            Este é um projeto dos jovens e para os jovens. O SetorJuventude de nossa Diocese já tem uma programação que contempla todas asparóquias, comunidades, entidades e grupos que desejam acolher a imagemperegrina, que se estenderá durante todo o ano. Importante ressaltar que esteprojeto está alicerçado em três eixos, de modo articulado e integrado com acaminhada pastoral de nossas paróquias. O primeiro é a missão. Esta visa favorecerexperiências missionárias significativas aos jovens e animá-los para oengajamento em suas comunidades de origem. O jovem que está no caminho doseguimento de Cristo, irradia esta alegria aos outros jovens e a misericórdiaaos sofredores. O segundo refere-se à assessoria. Sente-se a necessidade de aumentaro número de adultos que assumam a vocação de assessores de jovens e de suasorganizações presentes nas paróquias. Adultos que amem os jovens e osacompanhem neste caminho de evangelização. O terceiro eixo são as estruturas deacompanhamento. O Setor Diocesano da Juventude é o espaço de organização detoda a ação evangelizadora dos jovens, a partir do especifico de cada carismados grupos, movimentos e pastorais. Perguntemo-nos: quais os espaços que sãoconfiados aos jovens em nossas comunidades e paróquias? Valorizemosoprotagonismo juvenil, com seus grupos, na diversidade de suas expressões.

            A peregrinação de Aparecida pelas nossas paróquias será apresença da imagem da “Mãe de Deus e nossa”, tão querida pelo nosso povo.Recordando o que disse o Papa Francisco aos bispos do Brasil, sua história trazconsigo um modo de ser cristão, de ser Igreja. Em primeiro lugar, neste Ano daMisericórdia, nos ensina a reconciliação, congregar, juntar as partes, como foicom a imagem quando foi encontrada. “A Igreja tem sempre a necessidade urgentede não desaprender a lição de Aparecida; não a pode esquecer. As redes daIgreja são frágeis, talvez remendadas; a barca da Igreja não tem a força dosgrandes transatlânticos que cruzam os oceanos. E, contudo, Deus quer semanifestar justamente através dos nossos meios, meios pobres, porque é sempreEle que está agindo.” (27 de julho de 2013).

            Enfim, acolhamos com alegria a imagem peregrina e osjovens que a conduzirão. Será uma grande bênção para toda a nossa Diocese.


Dom Adelar Baruffi

Bispo Diocesano de Cruz Alta 

Publicada em 25/02/2016 às 10:16:19

Mitra Diocesana - Rua Duque de Caxias, 729 - Cruz Alta RS, 98005-200 - (0xx)55 3322-6920